Repsol

Logo Repsol

Ruta

Estou em: Inicio > Responsabilidade Corporativa > Como Fazemos > Planos de sustentabilidade

Planos de sustentabilidade

A Repsol reforça de forma anual os seus compromissos em matéria de Responsabilidade Corporativa com a posta em marcha do seu Plano corporativo e por países.

A Repsol entende a Responsabilidade Corporativa como a contribuição para o desenvolvimento sustentável, mais além dos parâmetros legalmente exigidos, que desenvolve através de ações concretas e que incorpora nos seus Planos de Sustentabilidade, com o objetivo de melhorar a situação da companhia em diversos âmbitos.

A Companhia fá-lo em matérias fundamentais como a governance da organização, o meio ambiente, os direitos humanos, as práticas laborais, os assuntos de consumidores, as práticas justas de operação ou o desenvolvimento das comunidades com que se relaciona, entre outros.

A Repsol assume a incorporação de considerações ambientais e sociais aos processos de tomada de decisões das organizações. Para este efeito aplica as ações necessárias através do Sistema de Coordenação do seu Modelo de Responsabilidade Corporativa, com o fim de dar resposta às expetativas da sociedade.

Os Comités de Responsabilidade Corporativa da Repsol, tanto a nível corporativo como de países, definiram e selecionaram iniciativas prioritárias, que conformam os Planos de Sustentabilidade.

<p><a href="https://www.repsol.com/creatividad/responsabilidad_corporativa/html/index_pt.html" class="jsEnlaceConAccion jsAbreVentanaNueva"></a></p>

Governance da organização

A governance da organização é o sistema de que se serve a companhia para tomar decisões e para as implementar, com o fim de conseguir alcançar os seus objetivos.

Trata-se pois de um fator decisivo para tornar possível que uma organização integre a responsabilidade em todas as suas atividades e decisões, além das atividades e decisões da sua cadeia de valor e outras relações comerciais.

Direitos humanos

Os estados e as empresas desempenham papéis diferentes na defesa dos direitos humanos. Os estados têm o dever de proteger os direitos humanos.

As empresas têm a responsabilidade de respeitar os direitos humanos, o que significa agir com a devida diligência para não interferir no grau de desfrute destes direitos por parte das pessoas, e de se ocuparem dos impactos negativos, se estes chegassem a produzir-se.

Práticas laborais

Entendemos por práticas laborais as políticas relacionadas com o trabalho realizadas pela ou em nome da companhia, tais como a jornada de trabalho, a remuneração, o recrutamento e a promoção de trabalhadores; os procedimentos disciplinares e de resolução de reclamações; a transferência e a deslocação de trabalhadores ou a formação, entre outros.

Também se incluem questões relativas à representação e participação nas negociações coletivas, diálogos sociais e consultas tripartidas para abordar problemas sociais relacionados com o emprego.

Meio ambiente

A Repsol trabalha com a expetativa razoável de prevenir e minimizar os impactos ambientais, mantendo-os dentro da capacidade de regeneração do ecossistema.

As expetativas que a sociedade tem sobre a nossa companhia em relação com o meio ambiente têm a ver com a prevenção, o uso sustentável dos recursos, a luta contra a mudança climática e a proteção da biodiversidade.

Práticas justas de operação

As práticas justas de operação são as próprias da conduta ética de uma organização nas suas transações com outras organizações.

Incluem as relações entre organizações e os seus sócios, provedores, empreiteiros, clientes, competidores, e as associações das quais são membros.

Assuntos de consumidores

Os assuntos de consumidores preocupam a Repsol. Por isso informamos sobre os aspetos relacionados com a saúde e a segurança que tenham a ver com os nossos produtos e serviços.

Também prevenimos sobre os riscos para a saúde e para o meio ambiente que possam estar implícitos no design dos nossos produtos e serviços.

Participação ativa e desenvolvimento da comunidade

A participação ativa na comunidade significa que a empresa se converte num bem social para a comunidade apesar de que, neste processo, estão frequentemente presentes interesses muito diferentes, mesmo contrapostos, que a empresa deve valorizar no seu conjunto.

Todas as ações estão dirigidas a aproximar-nos ao que as nossas partes interessadas esperam de nós: uma empresa com um comportamento ético, que se preocupa pelo bem-estar das pessoas, que conhece bem os seus potenciais impactos e se preocupa pela sua prevenção, e administra adequadamente os recursos.

A Repsol dispõe de um Plano de Sustentabilidade a nível Corporativo, e de outros planos que correspondem a centros operativos nos países em que está presente, nos quais se estabelecem uma série de ações centradas nas necessidades e expetativas detetadas.

Temos um Comité de Responsabilidade Corporativa que se encarrega de dar resposta às expetativas das nossas partes interessadas a nível global, através do Plano de Sustentabilidade Corporativo.

Também criámos comités de responsabilidade corporativa nos seguintes países: Bolívia, Brasil, Colombia, Equador, Espanha e Portugal, Estados Unidos, Peru e Venezuela e Trinidad e Tobago, e nos centros operativos: A Corunha, Cartagena, Petronor, Puertollano e Tarragona. 

  • Compartir en Facebook
  • Compartir en Twittter
  • Compartir en otras redes sociales
  • Evaluar página
  • Añadir a Favoritos
  • Imprimir
  • Delicious
  • Menéame
  • Buzz
  • Digg
  • MySpace
  • Wikio

Contacto

Av. Jose Malhoa, 16B - Edif. Europa
1099-091 LISBOA - Portugal
Telefone:  +351 21 311 9000
Fax: +351 21 357 8956

  • Glossário

          
Confianza online